A diferença entre um elegante retrô e um original demodê pode ser muito tênue. Os rótulos de tendências e moda podem ser cíclicos. Isso porque o tempo da moda pode ser rápido. Na mesma velocidade que se começa a apreciar determinada tendência é possível, que tempos, depois, seja considerada ultrapassada ou renovada com o mesmo gosto do passado. E por ser cíclica, uma tendência passada pode retornar e conquistar novamente nossos guarda-roupas. Roupas usadas no passado podem ser tornar fashion anos depois.

Para tanto, se torna necessário conhecer certos termos. Por exemplo, retrô e vintage podem fazer referência aos mesmos estilos e serem confundidos, porém seus significados divergem.

Vintage refere-se a roupas e objetos originais de determinada época com pelo menos duas décadas para terem esta designação e, na maioria das vezes, estão em perfeito estado, o suficiente para continuar a ser utilizados nos dias atuais. Retrô (com origem na palavra francesa rétrospectif) faz uma imitação de estilo antigo, evocando o passado que não pertence mais à moda atual.

Exemplo claro do estilo vintage é que ele não se refaz; simplesmente se mantém como realmente é, mesmo depois de anos. Usar um vestido de época e o cabelo e a make dos tempos atuais não se denominaria vintage, e sim retrô. Usar a vestimenta de um antepassado em bom estado de uso é vintage. Para se refazer a mesma peça em uma costureira é retrô.

Vintage, além de fazer referência ao passado, tem a função de ter lançado determinado modismo próprio, ou seja, se incorporou ao vocabulário da moda para melhor definir uma peça de roupa ou acessório de um estilo pertencente à outra época, normalmente de excelente qualidade sem ter sofrido transformação alguma. Um claro exemplo disso seria um camafeu. Já uma blusa de ombreiras de uma nova coleção que remete ao passado é considerada retrô, ou seja, uma imitação de estilo antigo. Costumes demodê fazem referência a algo ultrapassado e fora de moda.

Vintage é uma palavra anglo-francesa usada pelos enólogos para designar um ano de boa colheita de uvas, em que as condições climáticas e outros fatores favoreceram a produção de um vinho com qualidade diferenciada. O famoso Vinho do Porto recebe essa designação quando a colheita é de reconhecida qualidade.

Milka Wolff

www.museudamoda.com.br

milka@milka.com.br

 

Milka Wolff é estilista e curadora do Museu da Moda de Canela (RS)

 




0 Comentários para Vintage e retrô: qual sua semelhança?

Deixe seu Comentário!







Todos os direitos reservados Assessoria T. Tarcitano Telefones: (51) 9929-4575 | (51) 4063-6697 Amixel Tecnologia